Humberto Mauro apresenta o melhor do Jazz no Cinema

Manhattam, Nova York, década de 70. Isaac Davis vive uma crise existencial da meia-idade, e sofre entre a namorada infantil de 17 anos e a ex-esposa lésbica, Jill, que está escrevendo um livro sobre o casamento deles. Na tela, cenas do cotidiano do povo nova iorquino, repletas de humor e sacadas típicas de Woody Allen. Na trilha que percorre toda a história está uma das lendas do jazz, George Gershiwin.

Cena de "Manhattam", de Woody Allen

Cena de "Manhattam", de Woody Allen

Harlem, Nova York, 1928. Dixie (Richard Gere), um músico, salva a vida de Arthur “Dutch Schultz” (James Remar), um gângster, quando este foi vítima de um atentado. Imediatamente, Dutch chama Dixie para trabalhar com ele. O músico passa então a circular no Cotton Club, uma elegante casa noturna na qual artistas negros se apresentam para um público formado exclusivamente para brancos. O filme dirigido por Francis Ford Coppola retrata a história do apogeu do jazz e do crime organizado nos anos 30 nos EUA. A trilha sonora é de John Barry.

Esses dois exemplos fazem parte da mostra “O Jazz no Cinema”, que está em cartaz no Cine Humberto Mauro até o dia 20 de agosto. Idealizada em parceria com o Jazz Festival Brasil, a mostra reúne filmes que foram de alguma maneira atravessados por esse gênero musical, que nasceu nas ruas de Nova Orleans, Chicago e Nova York e se espalhou pelo mundo.

Uma oportunidade para os fãs do Jazz se deliciarem com Miles Davis, em “Ascensor para o Cadafalso”, do francês Louis Malle; Duke Ellignton em “Anatomia de um crime”, de Otto Preminger; e escutar o trabalho primoroso de Henry Mancini em “A Marca da Maldade”, dirigido pelo não menos genial Orson Welles.

Quem tiver tempo, deve correr para o cinema.

Ouça “Someone To Watch Over Me”, de George Gershwin, que está no album “Manhattam”, com toda a trilha sonora do filme.

Quem quiser baixar o disco “Manhattam” clique aqui.

Programação “O Jazz no Cinema”

18 TER
17h Sombras
19h Ascensor para o Cadafalso
21h Manhattan

19 QUA
17h Ascensor para o Cadafalso
21h Blow Up

20 QUI
17h A Marca da Maldade19h Cotton Club21h10 Sombras

O JAZZ NO CINEMA: R$ 5,00 (INTEIRA) E R$ 2,50 (MEIA).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s